Destaques
Botafogo pipoca e recua no antidoping
18 de abril de 2016 - Postado por: Redacao
 Será que no jogo da volta os jogadores do Botafogo, agora, vão correr um pouco mais?



O Botafogo teme o futebol do Sousa e o amor do seu torcedor
15 de abril de 2016 - Postado por: Redacao
 

Botafogo repete Treze de 2009 e quer tirar o Marizão da torcida do Sousa
15 de abril de 2016 - Postado por: Redacao
O Botafogo perdeu a queda de braços do art. 11 pelo art. 14 para o Sousa.

O Botafogo perdeu sua invencibilidade em campo por 3 x 1 para o Sousa no primeiro jogo do Hexagonal.

O Botafogo pediu antidoping no primeiro jogo do hexagonal contra o Sousa e quem pregou em campo no segundo tempo foram os seus jogadores. O Sousa sobrou no jogo.

O Botafogo perdeu no TJD/PB por 3 x 0 para o Sousa no caso da pretensa suspensão do treinador Jason Vieira – que vai estar no banco do Dino no jogo da volta.

O Botafogo agora quer repetir o Treze de 2009. O “Belo do Contorno”, extemporaneamente, por meio da influência sob terceiros (laranjas), quer que o Sousa seja condenado com três mandos de campo porque três torcedores/moleques do Treze pularam um alambrado no Marizão e rasgaram uma faixa de uma torcida organizada do Sousa.

Esse dito jogo foi realizado em 06 de março e só hoje (15/abr) o Sousa foi citado para um julgamento na próxima terça-feira.

O presidente Aldeone Abrantes participou da Resenha do Garotão, na manhã de hoje, e disse que já acionou os advogados Dr. Cláudio Gadelha e Dr. Washington Rocha de Aquino. Na visão do Guerreiro:

- O Botafogo deveria cuidar em jogar futebol. A última fez que tiraram o Sousa do seu torcedor foi em 2009 e nós fomos campões. Mas nós vamos lutar até o fim. Eles fazem isso por medo do Caldeirão, por medo da “La Bombonera do Sertão”. Mas o Sousa não vai se dobrar, nós vamos provar na justiça desportiva que o policiamento agiu de pronto e que a torcida do Sousa nada fez de errado, assim como não houve prejuízo para o espetáculo.



Aldeone desabafa: “Família Jurássica vamos defender nossa Honra”
14 de abril de 2016 - Postado por: Redacao
O presidente do Sousa Esporte Clube, Aldeone Abrantes, desabafou na manhã de hoje em contato com o Blog do Garotão:

- Venho sofrendo um verdadeiro ataque de impropérios e agressões descabidas por parte de torcedores do Treze e Campinense, querendo que o Sousa E. Clube resolva o problema deles no Campeonato Paraibano.

Veja o caso: Eles combinaram dividir a renda dos dois jogos. É Claro que não ia ter vencedor no primeiro jogo. Campinense com um a mais o jogo todo e ainda se deram o luxo do seu atacante atrasar a bola pro Goleiro numa cobrança de pênalti.

Em tempo, se o Campinense ganha o jogo o Sousa jogava classificado em João Pessoa. Só que eles não contavam que o Dinossauro faria aquela exibição digna de um Campeão e desse aquele chocolate no invicto Botafogo PB.

Agora querem porque querem que o Sousa corrija a "Cagada" que fizeram.

Respeitem o Dino. O Sousa joga pelo Sousa. Família Jurássica vamos defender nossa Honra.



Síndrome do general Sedgwick acometeu Botafogo, Paraíba e até o Campinense
13 de abril de 2016 - Postado por: Redacao
O filósofo Mário Sérgio Cortella lembra que o general Sedgwick morreu com um tiro no olho durante a guerra civil americana em 1984, na Batalha de Spotsylvania.

Narra Cortella que enquanto observava o inimigo, o general Sedgwick disse a última frase de sua vida:

- Desta distância eles não acertariam nem um elefante.

O diretor do Botafogo/PB Breno Morais disse no último domingo (10/abr), em entrevista ao aluno do árbitro Pitombão (o repórter Adelmo Vieira, em participação nos microfones da Rádio Progresso AM 610 e Sousense FM 87,9), algo com sentido semelhante ao que disse o general Sedgwick:

- Nós viemos a Sousa para vencer. Porque nós estamos preparados para vencer o Sousa.

O Botafogo tomou 3 x 1 do Sousa e a síndrome do general Sedgwick acometeu em cheio Botafogo, Campinense e Paraíba. O Sousa chafurdou o coreto.

Com a Raça que marca a sua História, o Alviverde reverteu o fator pressão no hexagonal. Pode até perder por 1 x 0 no jogo da volta e ainda assim estará classificado para a semifinal.

Mas o Sousa ainda não está classificado. O Dinossauro não deve cair na armadilha que derrubou o imponente Botafogo/PB: a fascinação arrogante.

Mesma fascinação que destroçou o Paraíba após derrota fácil para o CSP – com dispensa de jogadores e treinador jogando a toalha. Ou que deixa o Campinense com o dever de vencer o rival Treze.

A Classificação Geral do Campeonato anota:

1º Campinense, 23 pts

2º Botafogo-PB, 22 pts

3º Sousa, 17 pts

4º CSP, 16 pts

5º Paraíba, 15 pts

6º Treze, 14 pts

Uma vitória do Sousa ou um empate no jogo da volta com o todo-poderoso Botafogo qualificará o Dinossauro para as disputas da final do Campeonato ou mesmo assegurará uma vaga na Série D para o interior paraibano.

Humildade Sousa Esporte Clube. Chuteira na grama e bola para o golão! Vamos que vamos!



De virada e arrasador: Sousa 3 x 1 Botafogo
10 de abril de 2016 - Postado por: Redacao
O BOTAFOGO GOZOU de 22 minutos no jogo – os 22 iniciais. Logo aos 5 min, depois de falha no sistema defensivo, o atacante Danielzinho (B) serviu o volante Val (B) que abriu o marcador: Sousa 0 x 1 Botafogo.

A PARADA TÉCNICA solicitada pelo goleiro Michel (B), e prontamente atendida pelo CBF Eder Caxias [apesar da partida ter sido iniciada às 16:30], foi providencial para o treinador Jason Vieira (S) mostrar porque foi eleito o melhor treinador em exercício no futebol paraibano nos últimos dois anos: Jason arrumou o Sousa.

O MEIA TARCÍSIO (S) teve seu trabalho e esforço premiado aos 38 minutos/1T num frangão do arqueiro Michel (B). A bola foi cruzada pelo ala destro Eduardo Recife (S), em tarde inspirada, e Tarcísio (S) apenas escorou de cabeça no segundo poste: Sousa 1 x 1 Botafogo.

LA BOMBONERA DO SERTÃO pulsava de alegria.

O DINOSSAURO PRECISOU DE APENAS 5 MINUTOS no segundo tempo para virar o jogo. O ala canhoto Zeca (B) pensou estar jogando vôlei e tentou uma manchete. O auxiliar de arbitragem Broney Machado marcou pênalti, embora o central Éder Caxias, de fronte para o lance, não tenha agido de imediato; só soprou o apito após o bandeira marcar corretamente o penal. O atacante Manu (S), pouco inspirado, mas sempre desaforado em suas comemorações, cobrou e converteu o pênalti em gol. Sousa 2 x 1 Botafogo.

LA BOMBONERA DO SERTÃO explodia com a virada.

O ATACANTE ESTREANTE GIANCARLO também deixou o dele. O zagueiro Magno Alves (B) atropelou (passou o rodo) o atacante Dico (S) na grande área - aos 21 minutos / 2T. Éder Caxias não teve dúvidas: pênalti. Giancarlo (S) estufou as redes: Sousa 3 x 1 Botafogo.

LA BOMBONERA DO SERTÃO cantou “Sou, Sou Dinossauro eu Sou... Agente vai ganhar, e ninguém vai nos segurar, Sousa, Sousa...”

O PASSEIO DO SOUSA CONTINUOU. A torcida gritava “Olé, Olé”. Eder Caxias invertia faltas. O jogo foi até os 51 minutos do segundo tempo.

A NOTA TRISTE DO JOGO: a arbitragem. Itamar Schuler, treinador do Botafogo, invadiu o campo na marcação do primeiro pênalti. O árbitro reserva Marcondes Francisco covardemente acuava o banco de reservas do Sousa e, com medo de José Renato (presidente do coito da arbitragem paraibana), nem olhava para o banco do Botafogo.

A SUPERAÇÃO DO SOUSA: o zagueiro Maceió, diagnosticado com dengue, foi para o jogo e pode ser apontado como símbolo do Sousa que tem o goleiro Ricardo, o lateral direito Eduardo Recife, o também zagueiro Regineudo, o lateral esquerdo Camilo, os volantes Giu Pernambucano e Danilo Lopes (Jr. Lira), os meias Tarcísio e Léo Olinda (Márcio Tarrafas e Leilson), os atacantes Dico e Giancarlo (Rodrigo Potim).

JASON VIEIRA DE PARABÉNS. O treinador, que fechou treinos durante a semana, tem o grupo na mão. Sabe o que faz. Mexe quando necessário e com ele não tem panelinha ou preferido: joga quem está bem.

A DIRETORIA JOGOU COM A TORCIDA. Mesmo com a dificuldade de sempre para pagar a folha de pagamento, a diretoria do Sousa chamou o torcedor para o Marizão em promoção que deixou o ingresso ao valor de R$ 10,00 antecipado e fez ferver o Caldeirão “La Bombonera do Sertão”. O presidente Aldeone Abrantes disse à dobradinha Progresso AM / Sousense FM que em eventual semifinal a promoção permanece.

A TORCIDA DO SOUSA É MUITO SHOW. Mereceu a vitória arrasadora do Dinossauro Alviverde: #omaiordosertao.

O jogo da volta será no próximo domingo (17/abr) e o Sousa leva a vantagem de perder por até 1 gol de difirença.



Agora é com o torcedor: Convide #MaisUm
09 de abril de 2016 - Postado por: Redacao
 

Copyright © 2012 - Todos os direitos reservados